Casa ou apartamento? Saiba as diferenças

Alugar ou comprar um imóvel é um investimento e, nesse momento, decidir-se sobre qual é a melhor escolha, uma casa ou um apartamento, é um dilema muito comum. Sabemos como esse processo é cercado de euforia, afinal, todos querem encontrar logo o melhor imóvel, resolver a burocracia e viver tranquilamente. 

Entretanto, essa é uma escolha muito importante e, para que realmente atenda suas necessidades e as de sua família, deve ser precedida de planejamento financeiro e logístico. 

Em caso de dúvidas ou dificuldades, indicamos procurar por uma boa e confiável assessoria contábil em São Paulo, que auxiliará em dúvidas relativas a questões como taxações e impostos.

Esse texto é para você que está procurando seu novo lar, planejando um upgrade, uma mudança de região, ou mesmo para você que trabalha no ramo imobiliário e atua como um consultor, afinal, precisa estar bem informado para auxiliar seus clientes.

Ao iniciar a busca, existem, basicamente, três fatores determinantes para a escolha final: o tipo do imóvel, a localização e o preço.

Idealmente, busca-se o melhor imóvel, na melhor localização e com o melhor preço, mas esse cenário perfeito costuma ser muito raro, então, elaboramos esse artigo, para te auxiliar quanto ao primeiro tópico: o tipo ideal de imóvel, que envolvem pontos como:

  • Segurança;
  • Privacidade;
  • Liberdade;
  • Tranquilidade;
  • Necessidade de manutenção;
  • Espaço;
  • Áreas de lazer;
  • Vínculos e amizades.

É necessário estar atento às diferenças entre morar em uma casa ou em um apartamento, listar e pesar todos os fatores, para optar pela melhor solução na hora de assinar o contrato e finalizar a transação com um carimbo de borracha. Então, vamos falar sobre isso!

Casa x Apartamento: qual escolher?

Continue lendo e confira as diferenças entre morar em casa e apartamento, e quais os benefícios de cada escolha.

Segurança

A segurança é um ponto fundamental a ser considerado, afinal esse fator envolve a vida de todos aqueles que mais amamos.

Nesse quesito, é certo que os apartamentos saem ganhando, sendo mais seguros no dia a dia, seja pelo fato de estruturas como portaria, ou por haver vários vizinhos próximos. 

Principalmente para quem tem filhos pequenos – retomaremos esse tópico ao falar das áreas de lazer – ou para quem viaja constantemente, deixando o local vazio, escolher um apartamento pode trazer mais tranquilidade.

Mas existem também soluções voltadas para as casas, como a instalação de aparelhos, como câmeras, sistema de alarme, e/ou contratação de profissionais para o monitoramento residencial.

Optar por casas em condomínio fechado também é uma boa solução, pois assim, os benefícios em relação à segurança se igualam, principalmente se tratando de um condomínio com portaria 24 horas.

Privacidade

Já em relação à privacidade, justamente o que torna os prédios e apartamentos tão seguros, torna-se uma desvantagem. O monitoramento constante e a presença próxima de vizinhos, pedem mais cuidado em relação a certos hábitos, rotina e horários.

Quem vive em uma casa, tem muito mais liberdade para seguir um estilo de vida próprio, sem se preocupar com incomodar, ou mesmo, com o fato de possíveis julgamentos vindos de vizinhos.

Para aqueles que trabalham com música, ou mesmo que gostem de música alta e festas, em uma casa, podem conduzir sua rotina como quiserem, sem se preocupar.

Uma solução para os apartamentos é um bom tratamento acústico em todo o espaço. Existem materiais de revestimento que podem amenizar ou solucionar problemas, como o concreto projetado ou a lã de vidro, entre outras possibilidades.

Além disso, também existem empresas especializadas em soluções de isolamento térmico e acústico, basta dar uma pesquisada sobre o tema.

Liberdade

A liberdade é um fator que está intimamente ligado à questão da privacidade, mas resolvemos ressaltá-lo em um tópico único.

É muito importante estar ciente e preparado para um convívio em comunidade ao optar residir em um condomínio, então se você é do tipo de pessoas com dificuldade para seguir regras, essa não é uma boa escolha.

Em um apartamento, é preciso respeitar a rotina dos demais moradores, além de obedecer às normas da Convenção do Condomínio, bem como o Regimento Interno, e participar das assembleias e reuniões. 

Para reformas, sejam elas grandes, ou pequenas, como a instalação de um lindo armário em inox embutido, é preciso avisar com antecedência, e ter autorização, no caso das reformas estruturais.

E as festas, para barulhos entre as 22 horas da noite até as 7 horas da manhã, conforme a Lei do Silêncio, é fundamental também pedir autorização, evitando problemas maiores, que envolvem até mesmo a polícia.

Tranquilidade

Ainda que uma casa forneça maior privacidade e liberdade, no quesito tranquilidade, um apartamento traz mais vantagens, pois conta com recursos como um síndico para resolver problemas corriqueiros, e se preocupar com questões burocráticas.

Isso tira um grande peso das preocupações comuns do dia a dia, havendo mais tempo livre para aproveitar o lar, a família e descansar.

Manutenção

Em relação à comparação de custos, e complementando o item anterior, normalmente ao colocar na ponta da caneta, os gastos com reparos e manutenção costumam ser maiores nas casas.

Claro que, a vantagem é que em sua casa, você toma todas as decisões, como a forma de usar o dinheiro, ou qual empresa de impermeabilização contratar.

Mas um fator a ser colocado no cálculo é o tempo: serviços como cortar a grama, cuidar do jardim, da piscina e da fachada, por exemplo, podem ocupar muito tempo. Mesmo que você terceirize todos eles, ainda fica responsável pelo relacionamento com várias pessoas.

A taxa de condomínio costuma ser um ponto que muitos veem como desvantajoso, mas o fato é que essa taxa dilui grandes custos, possibilitando que soluções mais completas e caras sejam contratadas. 

Espaço

Agora, quando o assunto é espaço, dificilmente um apartamento ganha de uma casa. De forma geral, até mesmo relacionado ao tipo de arquitetura estruturas de encanamentos e etc, nas casas os espaços são mais amplos. 

Para quem não deixa de ter um quintal, uma horta, ou gosta de animais de estimação que demandam mais espaço, como cães de grande porte, o ideal, realmente, é uma casa.

Existem apartamentos do tipo garden, opções térreas com um quintal privativo, que podem ser uma ótima solução para a questão do espaço, mas, principalmente no caso dos animais, deve-se considerar o incômodo aos vizinhos.

Áreas de lazer

Ao falarmos em apartamentos localizados em condomínio-clube, não é possível comparar às estruturas de lazer disponíveis em uma casa. 

Contam com as mais diversas estruturas com água como uma piscina, muitas vezes aquecida, sauna, academia, redário, espaço zen, quadras esportivas, brinquedoteca, parquinho, fireplace, horta comunitária, coworking, churrasqueira e espaço gourmet, para citarmos exemplos.

Muitos condomínios possuem, ainda, espaços comerciais próprios, como os chamados market 4u, pequenos mercados com produtos de uso diário ou para eventos, como churrascos, além de salões de beleza, barbeiros e cinemas, entre outros. 

É certo que poucos seres humanos podem ter acesso a uma casa com todas essas estruturas, então, principalmente para famílias com um perfil mais sociável, que gosta de estar entre pessoas, esses condomínios são uma ótima escolha.

Geralmente, condomínios-clube são muito grandes, inclusive nas estruturas internas de encanamento, contando com várias torres de apartamentos, por isso, o valor do condomínio costuma ser, até mesmo, mais baixo do que prédios com poucas ou até sem nenhuma área de lazer.

E, nesse caso, essa taxa se torna ainda mais um investimento, pois ao contabilizar custos separados com academia, clube de campo, entre outras atividades, certamente verá não haver o que discutir em relação à economia.

Para aqueles com perfil investidor, economias como essa trazem alta qualidade e padrão de vida à sua família, ao mesmo tempo que permite poupar recursos para novos investimentos, como em uma unidade de camarim móvel para o seu negócio.

Vínculos e amizades

Uma consequência do convívio próximo com os vizinhos é a maior possibilidade de fazer amizades, principalmente entre crianças, que podem criar vínculos para toda a vida. 

Aproveitar as áreas comunitárias é uma garantia de lazer, com a maior segurança possível, então, é uma ótima escolha para quem gosta de estar cercado de pessoas.

Já para os mais introvertidos, isso pode se tornar um certo incômodo, então, assim como todos os pontos, o que é favorável ou desfavorável depende do gosto, da sua personalidade e dos seus hábitos.

Considerações finais

Como qualquer escolha na vida, existem pontos favoráveis e desfavoráveis em qualquer escolha, e jamais estaremos assegurados contra todos os problemas.

Em uma analogia com a decoração que cada um escolhe para o seu lar, como quais cores gosta, qual modelo de guarda corpo de alumínio prefere, se gosta de espaços grandes ou pequenos, se vai optar por um estilo minimalista ou de alto luxo, enfim, são muitas opções.

A questão é que não existe certo ou errado, existem as suas necessidades e de sua família, e esse deve ser seu critério de escolha. Após essa leitura, certamente, fará a melhor escolha, trazendo mais satisfação e conforto para todos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *