Integrar ou não a varanda do seu apartamento?

A varanda é um dos cômodos preferidos da casa por muitos, representando um espaço de respiro para o seu ambiente familiar, tendo um contato mais próximo com o lado de fora e com o ar livre. Principalmente para quem mora em um apartamento pequeno, uma realidade cada vez mais comum entre a população mais jovem.

Por outro lado, muitos enxergam esse pequeno espaço como uma oportunidade perdida. Um recinto que poderia tornar sua casa mais aconchegante, caso fizesse parte dela, aumentando assim o seu tamanho em geral.

É justamente pensando nessas pessoas que está acontecendo um movimento cada vez mais utilizado por arquitetos em geral, que é o conceito da varanda integrada, mas afinal, o que seria isso?

Como funciona uma varanda integrada?

A integração desse cômodo consiste em uma obra que incorpore a varanda ao espaço físico da casa, retirando qualquer tipo de separação física, como paredes, e aproveitando esse ambiente para ampliar o espaço do seu lar.

A prática está sendo muito usada em apartamentos, levando em consideração o espaço menor que eles apresentam, que perdem a chance de se expandirem por causa desses pequenos metros quadrados. 

Inclusive, é importante ressaltar que uma metragem extra é o que pode representar uma grande diferença para a organização dos seus móveis e cômodos, deixando todo o lar mais fluído e, até mesmo, mais espaçoso.

Sobre a obra em si, ela consiste na acomodação da varanda ao espaço físico geral do seu imóvel, através de reformas como a adequação do piso e o levantamento das paredes do cômodo, tornando-o em uma expansão natural do lar. 

Aproveitando algo que não foi pensado durante o projeto de terraplenagem, ou seja, o planejamento do imóvel que ali seria construído, pensando somente no padrão comum de um apartamento com varanda, sem ponderar sobre o espaço maior que poderia ser conquistado.

Ademais, nesse projeto de integração, alguns optam por incorporar totalmente o espaço ao seu imóvel, aumentando assim a sua área de convivência.

Entretanto, é possível também tornar a varanda em um cômodo ideal para o seu ambiente de trabalho, ainda mais em um período onde o serviço de home office passa a ditar com uma maior frequência as relações de trabalho.

Pense só: através da implantação de divisórias em vidro para escritórios, o espaço da sua varanda pode se tornar um simples, mas proveitoso escritório. 

Um local específico para o trabalho que não tome espaço do seu convívio, melhorando inclusive a relação do morador com sua casa, já que muitos têm receio de transformar o seu lar em um local de trabalho.

Ou seja, uma separação de grande importância para diversos profissionais que temem começar o exercício da sua profissão em um ambiente menos qualificado.

Um escritório não é a única opção existente para aproveitar o espaço da sua varanda, sendo um cômodo que pode se transformar nos mais variados tipos de ambientes, dependendo apenas da criatividade do morador, e claro, da sua personalidade e necessidade.

Algumas opções de reforma para a varanda da sua residência são:

  • O citado escritório, ideal para quem atua em home office;
  • Espaço de convívio;
  • Um pequeno e adaptado jardim;
  • Cômodo para relaxar;
  • Espaço de leitura.

Inclusive, ao tornar sua varanda em um cômodo integrado ao seu apartamento, existe uma importante decisão que é a decoração do espaço como um todo.

Muitos prédios exigem regras específicas sobre a ornamentação de tais ambientes, utilizando o serviço especializado de empresas responsáveis pela pintura de fachadas, mas isso não significa que o seu mais novo cômodo não pode ser um ambiente diferenciado do seu lar.

A pintura e decoração interna não estão nas listas de regras do seu condomínio, afinal, só é preciso se informar antes sobre as normas estabelecidas pelo prédio.

Claro que para muitos a integração da varanda não é feita com o intuito de adquirir mais um ambiente diferenciado, e sim aproveitar o espaço extra que esse tipo de cômodo pode significar para o seu apartamento, principalmente aos menores.

Optar por essa transformação do seu lar, assim como qualquer tipo de obra, exige esforço, organização e planejamento, então antes mesmo de reservar os serviços da caçamba de entulho e preparar uma obra, é preciso ponderar bem sobre os pontos positivos e negativos.

Os benefícios de uma varanda integrada

Levando em conta o tamanho menor dos apartamentos atuais, o principal ganho obviamente é o de espaço, mas existem outros benefícios ao se optar por esse tipo de reforma.

Com um ambiente completamente fechado, é possível aproveitar melhor a integração do espaço com a realidade do seu lar, tornando possível, por exemplo, a completa refrigeração do local, para aqueles acostumados com a temperatura ideal de um ar-condicionado ou aquecedor.

O espaço fechado elimina também qualquer tipo de incômodo que pode vir de um ambiente aberto, como um acúmulo maior de poeira e sujeiras em geral. 

Para as casas de varanda descoberta, a principal diferença será vista nos dias de chuva, onde o cômodo agora pode ser habitado em qualquer horário do dia, independentemente do clima.

O fechamento desse ambiente permite também uma liberdade maior, com a privacidade do morador sendo expandida para mais um cômodo. 

Por exemplo, um monitoramento de alarme é mais fácil de ser calibrado tendo em vista a harmonização dos espaços físicos, permitindo também um controle melhor sobre os espaços amparados por um sistema de vigilância.

Ademais, para quem preza por questões de segurança, isso também pode ser dito sobre outros equipamentos utilizados com esse intuito, como aparelhos sensores, cercas e o uso de uma câmera de vigilância.

A integração da varanda é também um movimento de se desfrutar de um ambiente pouco utilizado, tornando-o mais útil ao morador, já que o espaço maior permite organizações diferentes entre os móveis e os cômodos.

Claro que não é preciso desconfigurar totalmente a estrutura da varanda, podendo se aproveitar da boa iluminação do local, com o suporte de janelas, ou até mantendo uma certa distância de organização entre os cômodos.

As desvantagens de integrar a varanda ao seu lar

Como dito anteriormente, é preciso pensar bem antes de partir para esse tipo de reforma, pois muitas questões precisam ser observadas, desde o gosto pessoal do morador até as regras que esse tipo de reforma pode exigir.

Primeiro é preciso conhecer as exigências do seu prédio, que pode ter uma certa rigidez em relação a qualquer tipo de obra que modifique o visual da propriedade, afinal, isso é diferente de uma limpeza utilizando bons produtos de limpeza para condomínios.

Além disso, é importante citar outras questões estruturais do prédio, como a impossibilidade de se retirar uma parede, caso ela seja ligada aos pilares da estrutura.

Após a obra ser liberada, é preciso ter muito cuidado, pois qualquer erro nessa modificação da estrutura é capaz de danificar não apenas o seu novo espaço de convívio, mas também todos os outros cômodos do seu apartamento.

Como na vedação deste ambiente, pois caso o serviço seja feito de maneira irregular, o clima chuvoso pode interferir diretamente no seu lar, com a entrada de vento e chuva, para a resolução desse problema, um encanador residencial seria essencial.

Uma opção seria o uso de algum tipo de barreira, como uma porta de correr, mas nesse caso também é preciso ficar de olho na vedação do cômodo, pois a chuva ou goteira constante pode pôr em risco a integridade desse tipo de objeto.

Inclusive, principalmente os metálicos que não passaram por um tratamento de superfície, ou seja, um processo de revestimento que impede a oxidação desses materiais.

Até mesmo para quem busca a reforma para uma melhor iluminação da casa precisa pensar bem na sua decisão, pois dependendo do horário, o sol forte pode refletir com uma intensidade incômoda, passando a ser necessário o uso de cortinas e persianas.

O clima do seu apartamento é outro fator a receber atenção, pois o levantamento de uma parede, assim como a utilização de vidros no processo de fechamento desse cômodo, pode aumentar exponencialmente a temperatura local. Ainda mais em épocas mais quentes como primavera e verão.

Essa união dos cômodos da casa também pode interferir negativamente na organização, caso os móveis já presentes não correspondam com a nova estrutura, sendo necessário uma trabalhosa reacomodação, e em alguns casos até a compra de novos objetos de mobília.

Conclusão

Como qualquer tipo de obra, a integração da varanda ao seu apartamento pode ser um processo longo e demorado, mas os seus benefícios podem ser recompensadores para quem busca expandir e aproveitar melhor o espaço em que vive.

Principalmente para aqueles que pensam em se mudar para um local maior, mas estão receosos em fazer isso, levando em conta a ligação que sentem com o seu móvel atual. Com essa ideia, é possível aproveitar o espaço que você já tem em casa.
Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *